terça-feira, 5 de julho de 2011

Ecopista do Dão

No passado fim-de-semana foi inaugurada a Ecopista do Dão. Esta Ecopista utiliza o canal da desactivada linha férrea entre Santa Comba Dão (na Linha da Beira Alta) e Viseu.


Nasceu da união de 3 municípios vizinhos, Viseu, Tondela e Santa Comba Dão. Foi um investimento de 5 milhões de euros, mas que irá ter um retorno muito maior na melhoria das condições de saúde da população local e no turismo.

Aqui da Guarda é possível chegar à Ecopista em Santa Comba Dão de comboio, viagem que demora 1:15 no Intercidades ou 1:45 no Regional. No regional é permitido levar a bicicleta gratuitamente.

O inicio está um pouco escondido (é preciso percorrer a plataforma da estação na direcção da Guarda), mas lá se consegue encontrar o tapete azul.


É azul porque a Ecopista está pintada de azul em Santa Comba Dão, de verde em Tondela e de vermelho em  Viseu. O percurso total tem 48 km, sendo o sentido Santa Comba Dão-Viseu ligeiramente ascendente.


A primeira parte é feita numa zona mais selvagem, com a companhia do rio Dão, que aqui faz parte da albufeira da Barragem da Aguieira.


Na aproximação a Tondela a paisagem torna-se mais humanizada, com campos de cultivo e pequenas aldeias, que se tornam quase continuas na aproximação a Viseu.

Várias estações e edifícios de apoio foram recuperados e conhecem novos usos, como sede de Junta de Freguesia ou clube desportivo.

A estação de Torredeita merece uma paragem mais demorada, para apreciar um comboio histórico que aí se encontra estacionado, incluindo uma locomotiva a vapor que completou 100 anos, é de 1911.


Para quem gosta de caminhar ou pedalar, este é sem dúvida um local a visitar.


Aqui no distrito da Guarda há muitos locais que poderiam ser transformados em Ecopista, faltando em alguns deles apenas a sinalização. É o caso do caminho do Carril, entre Almeida e Sabugal, um dos locais mais planos de Portugal.

Espero é que não seja esse o fim da Linha da Beira Baixa, entre a Guarda e a Covilhã. Seria uma Ecovia espectacular, mas o comboio é mais útil.

Post de Pedro Roque no blog Velocipedi@

Mais informações:
Site da CM Santa Comba Dão
Linha do Dão na Wikipedia
Blog "Cantinho dos Comboios"
Entrevista com os autarcas no "Jornal do Centro"
Percurso em GPS
Vídeo com passagem de túnel

1 comentário:

  1. deu vontade de caminhar por lá!.. e quem diria, inaugurações em tempo de crise...

    ResponderEliminar